Padel e as Articulações

padel-articulacoes.pt.jpeg

O Padel é um desporto relativamente jovem que provoca muito desgaste articular, nomeadamente dos membros inferiores (pé, tornozelo, joelho) e membros superiores (ombro, cotovelo e punho).

As lesões do cotovelo (epicondilite) são as mais frequentes. Na epicondilite, por sobreuso, ocorre habitualmente lesão do músculo extensor radial curto do carpo, decorrente de movimentos incorretos repetitivos durante a prática da modalidade.

As lesões articulares do ombro (lesões cápsulo-ligamentares e músculo-tendinosas) habitualmente são de sobreuso resultantes de um inadequado condicionamento muscular dos músculos da coifa dos rotadores e dos estabilizadores da omoplata que frequentemente leva ao aparecimento de tendinopatias e bursites sub-acromiais.

As lesões do punho são frequentemente de sobreuso (sinovite mecânica radiocárpica, doença de Dequervain e a tenossinovite dos flexores dos dedos) que por vezes são limitativas para a prática da modalidade.

As lesões articulares do joelho mais frequentes são as lesões ligamentares (Ligamento Cruzado anterior e Ligamentos Colaterais), meniscais (Menisco interno e Menisco externo), e osteocondrais (mais frequentemente as fémuro-rotuliano).

As lesões articulares do Tornozelo mais frequentes são as lesões ligamentares (complexo ligamentar externo e complexo ligamentar interno-deltoide), fraturas maleolares e da base do 5º Meta, e lesões osteocondrais.

Alexandre KronerDesporto